domingo, 23 de junho de 2013

Laura Pausini cantará no Festival de Viña del Mar em 2014



Laura Pausini está confirmada para o Festival de Viña del mar 2014, que acontece entre 23 e 28 de fevereiro. 
É a segunda vez que a cantora participa de um dos maiores festivais de música latina. E na América é considerado o mais importante. A primeira foi em 1997, quando Laura ainda dava seus primeiros passos de sua brilhante carreira. O festival é supertradiciocional. Seu nome verdadeiro é Festival Internacional de la Canción de Viña del Mar e acontece desde 1960. Pelo palco de lá já passaram artistas como Elton John, Alejandro Sanz (um dos cotados para 2014 também), Maná, Juan Luis Guerra, Paolo Meneguzzi e Enrique Iglesias. 
O público é popularmente chamado no Chile como El monstruo devido o grande impacto que ele tem no evento, e como eles regem as apresentações, convencendo sempre o artista a ficar mais um pouco, por exemplo. O evento também possui premiações, alguns escolhidos pelo público.


Tradução: Clarissa Fusco Matéria: Natália Melo
Fonte: LauraPausiniBrasil.com


Carta de Laura Pausini à Revista Tv Sorrisi e Canzoni

Caro sorrisi, 


é a terceira vez que te escrevo para confidenciar minhas “novidades”, mas esta é a primeira carta que escrevo desde quando me tornei mãe de Paola e estou emocionada, muito emocionada, mesmo que só esteja escrevendo. Foi um grande desejo e o melhor presente que o Céu pode me dar. Sempre ouvi dizer “nada como ter um filho”. Acreditava, via o olhar da minha mãe, da minha avó, da minha irmã, das minhas amigas. Mas nunca acreditei que experimentaria algo assim forte, assim irresistível. Eu sei, todas as mães dizem isso, mas se podes, tenha um filho porque nada é assim belo, nada é assim importante! Nenhuma experiência no mundo é igual a maternidade. Não hesite, mesmo com os medos, a dar a luz a uma nova vida. Enquanto escrevo, do meu lado está a “bambina”, que, aos meus olhos, é a mais linda do mundo. Me olha, a olho e sinto a maior felicidade, que nunca tinha provado. Sinto o sentido do meu viver. Nesses anos foi escrito e dito tudo sobre minha gravidez, em alguns países do mundo escreveram sempre que eu estava grávida, mas quando estava de verdade, ninguém notou. Estou muito contente de ter anunciado na festa do meu Fã clube. Li muitos e-mails de pessoas que tentam engravidar e encontram muita dificuldade. O que eu penso: somos mulheres porém, sempre, apesar de que ser mãe seja uma experiência inacreditável, ser mulher e viver nesta vida é também maravilhoso. Não devemos esquecer nunca. No passado eu também pensei que não poderia ter filhos, então sei o que é sofrer por isso. Mas é um sentimento injusto. Nós devemos ser fortes e felizes de estar vivas, mesmo que algo que desejamos muito não pode chegar. O amor existe em mil formas. Basta procurá-lo, e não digo isso porque realizei meu sonho, sempre pensei assim. Pra mim já é hora de começar outra vez, de compartihar. Mas antes de voltar com minha música, senti o dever de me colocar à disposição de uma nova causa beneficente e aceitei o convite de Beyoncé de estar com ela no palco do “Chime for Change”. O evento extraordináro de 1º de junho em Londres, organizado pela Gucci, onde junto com muitos artistas como John Legend, Florence and the Machine e Jennifer Lopez, queremos dar voz e sensibilizar o mundo sobre aquela parte do universo das mulheres ainda inacreditavelmente atrasado em muitos aspectos. Sem contar do horror maior, a violência com as mulheres, que com todo coração gostaria que minha filha não visse nunca. Não posso pensar que já grande possa ver a agonia que todos temos nos olhos lendo, frequentemente, e cada vez mais frequente, as crônicas dos jornais. Minha amiga Gianna Nannini dizia “God is a Woman”. Não sei se Deus é mulher, mas estou certa de que Deus é amor a todos, para os homens e para as mulheres. E não tolera nenhum tipo de violência e discriminação. E por esse grandíssimo ensinamento devemos soar os badalos de “Chime for Change”. Para lembrar a todos o amor. E para deixar todas as mulheres cientes de sua própria força. Sou honrada de fazer parte desta campanha para financiar projetos ligados à instrução, justiça e saúde para as mulheres e crianças de todo o mundo. E espero com todas as minhas forças que por um dia se possa lembrar aquele amor que todo o Universo é cheio e que sempre tardamos em reconhecer. Estou orgulhosa do quanto fizemos nós italianos. Estou orgulhosa da minha gente que arregaçou as mangas quando a terra tremeu, tenho orgulho de fazer parte daquela Itália que sempre corre quando há as emergências e lembrarei sempre o abraço infinito do Amiche per L’Abruzzo (nós madrinhas estamos atentíssimas, mesmo encontrando obstáculos: os detalhes das doações estão em www.amicheperlabruzzo.com). E ainda desta vez quero todos próximos, porque queremos uma campanha de sensibilização mundial. um evento único, sem precedentes, que sou honrada em fazer parte. Acho que é o jeito mais justo de voltar em cena, colocando à disposição eu mesma, a minha alegria, o meu ser “neo mamãe” junto a outras mães extraordinárias como Frida Giannini, Salma Hayek, Jennifer Lopez, Beyoncé e todas as mães que estarão no gramado do estádio pra escutar nossas vozes a favor de uma causa verdadeira, concreta, que não pode mais não ser considerada uma urgência. Os espero, se podem, organizem-se, vamos todos a Londres em 1º de junho. Antes do Natal haverá outros eventos… Para não esquecer o que aconteceu nesses 20 anos de vida profissional, a vida que construí com amor, sorte e paixão junto a vocês que me escolheram, ainda não sei porque, para cantar a minha vida como se fosse a de vocês. Comecei no Sanremo exatamente 20 anos atrás e quero festejar muito. Recomeço com um disco no qual estou trabalhando e que contará a minha história na música e naturalmente encontrarão também algumas surpresas que já me entusiasma muito. Levarei os meus maiores hits (Greatest Hits) ao redor do mundo, para recomeçar a provar aquela alegria extraordinária que souberam me presentear, a grande paixão pelo meu trabalho e o contato com quem me permitiu fazê-lo. Não vejo a hora! Porém desta vez não estarei sozinha. Paola estará sempre comigo, issó é certeza, e se isso quer dizer fazer sacrifícios, dar saltos mortais para os deslocamentos, bem… estou pronta! Acredito que o relacionamento entre mãe e filho não seja programável, mas que se deve ser construído dia a dia, e é isso que pretendo fazer. Não pretendo me separar de Paola em nenhum momento. Tenho a sorte de ter perto de mim muitos amigos que amo e estou certa que com ela próxima a mim será mais lindo ainda. Quero ensiná-la a firmeza e a disciplina, o respeito pelo que for, o trabalho cotidiano que tem que se construir. Quero educá-la desde já a se dedicar e mostrá-la que mesmo quem tem a sorte de trabalhar com aquilo que quer, tem que se doar sempre, sem nunca relaxar. Essa não é uma atitude que uma mulher deve ter e espero que Paola seja corajosa como tento ser todos os dias, quando me levanto e procuro merecer tudo aquilo que me presentearam. Eu já estou aqui, falta apenas vocês. Os espero. Laura Pausini 




Tradução: Natália Melo

Fonte: LauraPausiniBrasil.com

Dueto Laura Pausini & Gloria Estefan

Laura será a estrela convidada para o novo disco de Gloria Estefan "The Standards" que será lançado em outubro em todo o mundo no qual está contido um dueto muito emocionante.


Fonte: Site Oficial